sexta-feira, março 11

Os papéis invertem-se sempre I

.
.
Antes eu queixava-me do teu excesso de palavras e falta de acções.

Agora tu queixas-te do meu excesso de palavras e falta de acções.
.
.
.

.
..
Mas querido nas entrelinhas das palavras pode estar a chave para as verdadeiras acções.
.
.
No entanto, os papéis invertem-se sempre.
.

29 comentários:

  1. oh, mas se quiser começar o blog de novo vou ter que apagar :p

    ResponderEliminar
  2. existir deve existir, mas está muito escondido :o

    ResponderEliminar
  3. Eu gosto muito de Itália, mas mesmo assim não consegue roubar o lugar à Inglaterra, ahah :') Sim, eu antes queria clínica, mas agora deixou mesmo de ser opção. Estou mesmo virada para a criminal ou para a psicanálise, sou super fascinada por psicanálise *.* E é mesmo uma boa oportunidade tendo em conta a situação do país. Mas também não me posso prender à ideia de que vou conseguir sair de Portugal porque realmente não sei. Se conseguisse gostava de ir ou para Londres ou para os Estados Unidos, acho que me decidiria mais pelos Estados Unidos, e nesse caso seria uma boa aposta, por alguma razão lhe chamam a "terra das oportunidades" :) Mas pronto, nao sei se consigo sair daqui, infelizmente.
    Exacto, é mesmo isso. Não, não causou. Dediquei-me de alma e coração ao rapaz que actualmente gosto, disse até adeus ao dos eua em parte por causa desse mesmo rapaz. Porque tinha medo que algo acontecesse e não queria magoá-lo. E agora, claro, estou arrependida. Mas de certa forma penso que apenas adiantei as coisas, pois já estávamos numa situação que o fim de certeza que estava bem perto. É como se nem fizesse diferença, mal falo com o rapaz dos eua por causa das ausências dele, quase nem o tenho na minha vida. não gostava que fosse assim mas estou farta de tentar fazê-lo mudar de ideias

    ResponderEliminar
  4. estou óptima agora, minha baby.
    demorou mas foi de vez agora :)

    ResponderEliminar
  5. oh, mas não quero, quero continuar com aquele ._.

    ResponderEliminar
  6. isto acontece sempre, é enervante.
    adorei imenso o teu post, e obrigadissima por todo o apoio no meu blog
    **

    ResponderEliminar
  7. "No entanto, os papéis invertem-se sempre."
    A quem o dizes ! :x

    ResponderEliminar
  8. posso entrar?


    nunca ninguém está bem com o que tem...ó ó!!!


    -__-

    ResponderEliminar
  9. gosto, gosto mesmo muito!
    obrigada, o amor é assim, lindo (:

    ResponderEliminar
  10. só para avisar que agora o endereço do meu blogue é http://awinterforyou.blogspot.com

    ResponderEliminar
  11. obrigada querida*
    que troca perfeita!

    ResponderEliminar
  12. "Mas querido nas entrelinhas das palavras pode estar a chave para as verdadeiras acções.
    No entanto, os papéis invertem-se sempre."

    não diria melhor!!

    ResponderEliminar
  13. O teu também está interessante :)

    ResponderEliminar
  14. Adoro, adoro <3
    E muito obrigada querida.

    ResponderEliminar
  15. este post ficou-me na cabeça e vai-me ficar nos sonhos, já sei..!

    ResponderEliminar